Google+

«

»

Aprenda a ouvir seu conjuge

aprenda a ouvir seu conjuge

Aprenda a ouvir seu conjuge:

Você sabe qual é a diferença entre ouvir e escutar? Ouvir, segundo o dicionário, é: perceber os sons pelo sentido do ouvido e Escutar é: tornar-se atento para ouvir.
Muitas vezes, como cônjuges, precisamos aprender a fechar a boca e abrir os ouvidos para escutar o outro. Aprender a ouvir o seu cônjuge vai muito além de sentar ao lado e ficar calado para que o outro fale, é preciso ter atenção ao que o outro diz. Então, não apenas ouça, escute.

Como casal, é comum nos vermos em situações em que algo não vai bem e precisa ser discutido, mas por vezes não estamos dispostos a falar sobre um problema, uma solução ou um sentimento, pode parecer algo muito dispendioso e importuno tratar de um assunto que sabemos que poderá gerar mais stress e aborrecimento, saber como enfrentar essas situações, prestando atenção ao que o outro diz, faz toda a diferença para que a conversa seja um momento agradável e saudável entre o casal.

Esforce-se para não chegar a uma conversa armado e cheio de suposições, apenas ouça, escute com o coração e busque compreender o sentimento do outro, aprenda a ouvir seu conjuge colocando-se no lugar dele. Como você se sentiria se fosse tratado da mesma forma? Ou se estivesse passando pela mesma situação? Dê atenção aos problemas que são só dele e os trate como se fossem seus também, o individualismo nessas horas só atrapalha. Se o assunto discutido for algo relacionado aos dois, melhor ainda, pois a conversa será uma ótima oportunidade para que o casal chegue junto a uma solução.

“Os propósitos do coração do homem são águas profundas, mas quem tem discernimento os traz à tona”. Provérbios 20:5.

Existem outras ocasiões em que a esposa ou o marido precisa apenas ser ouvido, está passando por alguma crise ou alguma perseguição no trabalho e deseja somente desabafar, ele não está buscando uma solução, somente um conforto nos braços da pessoa amada. Quando esse momento chegar seja um amigo em quem ele pode confiar e ofereça esse conforto sem se preocupar em passar um sermão, busque a direção de Deus e ore com seu cônjuge para que a solução venha dos céus e não da força do seu próprio braço e tenha certeza, ela virá.

Aprenda a ouvir o seu conjuge, mas saiba que isso requer esforço, dedicação do casal e vale muito a pena. É o caminho para permitir que o amor de Deus, a compreensão e a sua infinita misericórdia façam parte do seu relacionamento.

“O amigo ama em todos os momentos, é um irmão na adversidade”.

Provérbios 17:17.

 

Autora:

Paula Caruza é graduada em Propaganda e Marketing, pós graduada em Gestão Estratégica de Negócios e profissional de Marketing Digital. É idealizadora do site o Relacionamento Cristão que tem o intuito de compartilhar a bíblia, testemunhos de cristãos de diversos ministérios e de falar sobre a caminhada do cristão.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>